Oficinas de RPG no Colégio Objetivo em São Paulo

Durante os meses de Fevereiro e Março, catorze alunos do Colégio Objetivo, em São Paulo, tiveram seus primeiros contatos com o RPG, durante o contra-turno escolar.

Foram divididos em grupos de até cinco jogadores, viveram uma aventura que durou quatro encontros, desde a preparação da ficha até seu desfecho.

Seus personagens estavam vivendo na passagem do paleolítico para o neolítico, quando alguns grupos de hominídeos já começavam polir as pedras e viver em comunidades mais complexas.

Os aprendizes-jogadores formavam um grupo pequeno que precisou percorrer um vasto território fugindo de um grupo maior, e no caminho encontraram diversos desafios, até serem incorporados por um terceiro grupo e descobrir que o mundo era mais incrível do que eles imaginavam.

Os alunos puderam vivenciar de forma muito mais profunda conteúdos e conceitos difíceis de apreender em uma aula expositiva, como a ideia da baixíssima expectativa de vida na Pré-História, as diferenças técnicas e tecnológicas do trabalho em pedra, a manutenção do fogo como necessidade para viver em um mundo extremamente hostil.

Esta é uma iniciativa em parceria entre o Grupo Interpretar&aprender e a Narrativa da Imaginação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *